Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Low-cost vínico?

por Rui Falcão, em 23.10.09

Sim, sim, bem sei que o termo “low cost” não é de agrado geral e que se presta a interpretações mais ou menos duvidosas, mas o vocábulo é suficientemente explícito para me ajudar numa breve e simples reflexão. Porque é que a oferta gastronómica se adaptou tão depressa, e tão radicalmente, ao conceito, expresso na diversidade de restaurantes de autor que abrem portas oferecendo refeições cuidadas a preços mais que sensatos… enquanto a oferta vínica tarda em abraçar o conceito ajustado ao vinho? Quanto tempo mais tardarão a despontar os vinhos de autor “low cost”?

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 09:48


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira os premiados e as listas...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub





Calendário

Outubro 2009

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Comentários recentes

  • João Gonçalves

    "E, é claro, o Varanda do Ritz Four Seasons, de Li...

  • Duartecalf

    Se no ano passado íamos duplicar e não duplicámos,...

  • Miguel Pires

    Seria de bom tom, a alguém que tem uma opinião tão...

  • Miguel Pires

    Podemos sempre especular o que quisermos, como, po...

  • Anónimo

    Miguel,Neste momento já foram recebidos os convite...


subscrever feeds