Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Kopke, marca pertença da Sogevinus  - que possui, também, a Burmester, a Calém e a Barros - lançou ontem, no Solar do Vinho do Porto, em Lisboa, uma edição especial, Porto Colheita 1940, para comemorar os 375 anos de existência, uma efeméride que lhe vale o titulo da mais antiga casa de Vinho do Porto. Reconhecida pela qualidade dos seus 'Colheita', a casa apostou nesta edição especial, da qual foram engarrafadas apenas 375 garrafas, recorrendo ao Colheita de 1940. A razão tem um simbolismo: 1940 foi um ano adverso em termos vínicolas, com chuvas fortes e ataques de míldio, que prejudicaram a produção. Além disso a data concide também com a Segunda Guerra Mundial, o que faz com que a escolha deste vinho tenha, também, a carga simbólica de uma colheita que venceu as adversidades. 

 

Uma característica que me surpreendeu quando provei este porto - que é de facto estrondoso - foi a sua vivacidade e até uma certa rudeza no primeiro contacto. Contudo, depois, desfez-se na boca numa elegância e sedução sem fim, com mel, frutos secos, especiarias e... sabe-se lá mais o quê, a pulverizar os sentidos. A rudeza inicial, segundo foi explicado, prende-se com o facto de parte deste vinho ter passado o último ano em barricas novas o que lhe traçou o perfil e deu uma certa frescura. 

 

Infelizmente o que é bom paga-se caro, ou, como prefiro dizer, custa dinheiro (caro pode ser um mau vinho de 3€). Cada uma destas preciosidades, que vêm numa garrafa especial e num "estojo de madeira nobre de pau-santo forrado a pele e com estampagens a ouro", custa 680€. As estampagens do interior da caixa lembram o padrão repetido do logótipo da Louis Vuitton muito utilizado pela marca de luxo. Será uma piscadela de olho ao mercado da Avenida da Liberdade? 

Já agora para que não fiquem com inveja, por eventualmente pensarem que vim para casa com uma destas garrafas, divulgo esta foto com o exemplar que foi distribuído aos jornalistas: um frasquinho com 60 ml. E poupa-o!  

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:28


6 comentários

Sem imagem de perfil

De Nuno Vastos a 17.10.2013 às 15:30

"divulgo esta foto com o exemplar que foi distribuído aos jornalistas: um frasquinho com 60 ml"

E não sobrou nem uma gotinha...?
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 17.10.2013 às 15:34

Lamento, mas nem uma gota. Fiz um Porto Tonic com ela ;)
Sem imagem de perfil

De Carlos Alexandre a 17.10.2013 às 21:13

Muito diluído, espero bem...
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 17.10.2013 às 21:17

Claro, para render ;)


Imagem de perfil

De Miguel Pires a 18.10.2013 às 01:09

Sem querer apaguei um comentário enviado por Maria Madeira que escrevia: "Já sou fã do blogue. Gosto bastante e não poderia estar mais de acordo naquela parte do: 'Infelizmente o que é bom paga-se caro, ou, como prefiro dizer, custa dinheiro (caro pode ser um mau vinho de 3€).' "

p.s. só mesmo um palerma poderia apagar um comentário elogioso como este! enfim... tenho de deixar de beber Porto tónico.
Sem imagem de perfil

De Maria madeira a 18.10.2013 às 16:24

Aqui estou eu, apenas para dizer que também já me aconteceu essa coisa de apagar comentários sem querer. Não é grave.

Gostaria de acrescentar que não sou fã de vinho do Porto, mas gostei da sua descrição. O "estrondoso" e o "pulverizar os sentidos", levar-me-ia a comprar uma garrafa do dito, sem dúvida.

Comentar post



PUB


Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

PUB


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira os premiados e as listas...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub





Calendário

Outubro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Comentários recentes

  • Paulina Mata

    Tenho pena mas não vou poder ir. O ano passado val...

  • Duarte Calvão

    Julgo que sim. No final do post há um link que rem...

  • João Almeida

    Duarte,E quem pode participar? Porque é que é só p...

  • João Gonçalves

    Muito interessante. Reconheço que me sinto ignoran...

  • Anónimo

    Só para esclarecer que este comentário é meu. Artu...