Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Depois de quase 10 anos na sala da Fortaleza do Guincho, o premiado escanção Inácio Loureiro (na foto), um dos melhores profissionais que temos nesta área, junta-se agora ao antigo chefe de cozinha do restaurante, Vincent Farges, no novo projecto que ele está a preparar no Chiado. Eles já estão inclusive a trabalhar juntos, como se viu no jantar de reabertura do Mesa de Lemos, em Silgueiros, em que o recém regressado chefe francês se mostrou em grande forma, ao lado do chefe da casa, Diogo Rocha, que mais uma vez provou que é um nome a contar para a Primeira Divisão nacional da categoria.

 

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:58

Três iniciativas a não perder

por Duarte Calvão, em 04.12.16

 

Um fim de tarde cheio de azeites amanhã em Lisboa

O jornalismo gastronómico está cada vez melhor em Portugal e raro é o meio em que não vão surgindo bons trabalhos sobre o assunto, quer por jornalistas generalistas quer por especializados. Entre estes, há nomes mais experientes e credíveis e Edgardo Pacheco, que actualmente oficia no Correio da Manhã, no Jornal de Negócios e na CMTV (programa “Prato da Casa”, que nunca consigo ver porque o meu operador, Vodafone, não há meio de disponibilizar o canal), é sem dúvida um dos mais sólidos e interessantes. Açoriano, filho de agricultor, ele dá uma atenção especial aos óptimos produtos que temos em Portugal, infelizmente nem sempre bem tratados e conhecidos, contactando com o mesmo à vontade quem pratica cozinhas mais tradicionais ou mais modernas. Assim é que deve ser.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:50

Estrelas Michelin Portugal 2017 (oficial)

por Duarte Calvão, em 23.11.16

FullSizeRender 17.jpg

  

Esplêndidas notícias para Portugal. Dois novos restaurantes ascendem às duas estrelas: The Yeatman, do chefe Ricardo Costa, em Vila Nova de Gaia, e Il Gallo D'Oro, de Benoît Sinthon, no Funchal.

 

Sete restaurantes ganham uma estrela: William, de Joachim Koerper/Luís Pestana, no Funchal, Casa de Chá da Boa Nova, de Rui Paula, em Leça da Palmeira, Antiqvvm, de Vítor Matos, no Porto, Alma, de Henrique Sá Pessoa, em Lisboa, Loco, de Alexandre Silva, em Lisboa, Lab, de Sergi Arola/Milton Anes, em Sintra (Penha Longa) e L'And, de Miguel Laffan, em Montemor-o-Novo, que assim recupera a estrela perdida no ano passado.

 

Ninguém perde estrela nesta noite que é um marco para a cozinha portuguesa contemporânea, recompensando novos e bons projectos ou a consistência de outros restaurantes, algo que a Michelin costumava criticar em Portugal. Há muitos chefes portugueses, outros estrangeiros radicados entre nós há anos, mas há sobretudo um grande incentivo a quem arrisca fazer a cozinha em que acredita. E, tenho a certeza, há vários restaurantes portugueses que, não tendo ganho ainda este ano, ganharão nos próximos, desde que continuem a persistir. Tanto mais que nesta noite chuvosa se criou uma dinâmica que nos vai trazer muitas alegrias.

 

Nota: Ver comunicado na íntegra (em espanhol), aqui  

 

Posts Relacionados:

 

Guia Michelin: ano histórico para Portugal ainda que não duplique o número de estrelas, como foi avançado    antes

Lendo nas estrelas (Michelin)

Guia Michelin Espanha & Portugal 2017 duplicará o número de estrelas em Portugal

Michelin anuncia a 23 de Novembro em Girona guia Espanha & Portugal 2017 (e já vou fazendo apostas)

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:45

Lendo nas estrelas (Michelin)

por Duarte Calvão, em 23.11.16

 

Prevê-se chuva forte, e até inundações, para esta noite de quarta-feira na Catalunha, mas sabemos já, seguramente, que haverá chuva de estrelas Michelin para os nossos restaurantes. Muitos convidados portugueses estarão lá a assistir – cozinheiros, jornalistas, bloggers, gente do meio e até responsáveis políticos, o que será uma estreia desde que o guia vermelho Espanha e Portugal passou a ser apresentado publicamente, em 2010, nas celebrações do seu centenário. Dessa vez, no então recém-recuperado Mercado de San Miguel, em Madrid, correu tão bem que nunca mais os responsáveis pelo guia ibérico quiseram outra coisa. Agora, coube à catalã Girona receber a gala, na Mas Marroch, espaço explorado pelos irmãos Roca, que esperemos que resista bem às intempéries, até porque o Mesa Marcada estará presente, sempre ao serviço dos seus leitores…

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

Vitor_Claro.jpg

 

Foi uma notícia inesperada, tanto mais que há apenas cinco meses ele tinha finalmente renovado restaurante, mas o comunicado ontem enviado não deixa margem para dúvidas. Quem quiser se despedir do Claro, em Paço de Arcos, tem só até domingo para o fazer, porque o chefe Vítor Claro decidiu encerrá-lo e passar a dedicar-se aos vinhos que já produz na zona de Portalegre com as marcas Dominó e Foxtrot, e cuja exportação parece ter aumentado exponencialmente, a ponto de exigir a sua atenção total. E promete novidades nesta área.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:54

na cozinha de miguel castro e silva_s.jpg

 

Ainda não tive tempo de o ler todo, mas já deu para ver que é um livro interessante para quem quiser conhecer o percurso de um dos chefes mais importantes da cozinha portuguesa contemporânea, pioneiro em muita coisa desde os anos 90. Miguel Castro e Silva faz aliás livros interessantes, apesar de poucos. Ou por causa disso. O seu “Uma Cozinha de Aromas”, publicado em 2001 com co-autoria de Nogueira Gil, então jornalista e crítico do Público, foi marcante, havendo na altura poucos chefes a divulgarem o seu trabalho desta maneira. Em 2007, um livro em inglês sobre cozinha portuguesa, “The Food & Cooking of Portugal”. E agora este “Na Cozinha de Miguel Castro e Silva” (ed. Lua de Papel, 22.90 euros), que será lançado no próximo domingo, às 18h, no seu restaurante Less, no centro Embaixada, na Praça do Príncipe Real, 26, em Lisboa, com apresentação de Maria de Lourdes Modesto, que também escreveu o prefácio.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:48

Leonardo Pereira está de volta, mas só no ecrã

por Duarte Calvão, em 05.11.16

Ele continua interessado em abrir um restaurante no Porto, depois de durante alguns meses ter tentado sem êxito uma hipótese nessa cidade, mas enquanto isso não acontece podemos vê-lo a partir de dia 17, sempre às 21h, no canal por cabo 24 Kitchen, no programa “Chef de Raiz”, apresentando receitas diferentes, saudáveis e fáceis de fazer em casa. São 44 episódios, filmados durante o mês de Agosto numa quinta em Sintra, sem convidados, mas com alguma da exploração do mundo vegetal que marcou a cozinha que Leonardo Pereira apresentou no hotel Areias do Seixo, de onde saiu há pouco mais de um ano, na linha do célebre Noma, cuja equipa o chefe português integrou ao longo de cinco anos.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:17

 

street_viewEP.jpg

 

Já se sabe mais sobre o novo restaurante que Diogo Noronha vai chefiar, depois de ter deixado recentemente o grupo Mainside, onde esteve três anos à frente de estabelecimentos como Casa de Pasto e Rio Maravilha. O chefe juntou-se agora ao grupo Multifood, associado ao Alma de Henrique Sá Pessoa e a diversos outros restaurantes como Cais da Pedra, Sala de Corte, Deli Delux e as cadeias Honorato e Vitaminas. O novo espaço de Diogo Noronha ficará na Rua da Escola Politécnica, ao Príncipe Real, onde outrora funcionou o Origami (prédio azul na foto), em frente à pizzeria Zero Zero, também da Multifood. Se tudo correr bem, deve abrir no início do próximo ano.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:00

Gérard Depardieu ferra o dente em Portugal

por Duarte Calvão, em 22.10.16

O actor Gérard Depardieu esteve em Portugal em finais do ano passado para, juntamente com o chefe francês Laurent Audiot, filmar um episódio da série “À Pleines Dents!” que ambos protagonizam para o canal de cabo Arte e que já os levou a vários pontos da Europa. O episódio pode ser visto aqui ou aqui, online, não havendo ainda data prevista para exibição televisiva em Portugal. Quem quiser ver deve apressar-se porque talvez não fique muito tempo disponível.

 

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:00

Os pratos d' O Asiático

por Duarte Calvão, em 18.10.16

IMG_2549.jpgPho de Rabo de Boi e Wagyu

 

Em noite de abertura do novo restaurante de Kiko Martins, O Asiático, no Príncipe Real, em Lisboa, damos aqui nota dos pratos que propõe nesta fase. Ou pelo menos aqueles que estavam disponíveis num dos jantares de pré-abertura servidos na semana passada, alguns dos quais fotografados pelo Miguel Pires. As palavras estrangeiras no menu são tantas que desisti de as grafar em itálico para evitar confusões. Como se vê, é uma verdadeira viagem pelos sabores da Ásia, sobretudo do Extremo Oriente, conduzida por Kiko Martins, e pessoas como eu, que nunca andámos por lá, temos muito que googlar para ficar a conhecer o que significam. No jantar em que estivemos havia uma proposta de degustação de seis pratos, mas temos que esperar mais um pouco até sabermos preços e outras informações, que na altura não divulgaram. Para já, a lista, que foge à tradicional estrutura de entradas, pratos principais, carne ou peixe.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:15


Pub


Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Pub


Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira os premiados e as listas...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub





Calendário

Abril 2017

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Comentários recentes

  • Adriano

    Também acho, a nível de entrevistas o que está a d...

  • João Faria

    Excelente entrevista! Talvez a que mais achei inte...

  • Miguel Pires

    Bem me pareceu que a argumentação era pobrezinha.

  • Adriano

    Isto realmente é irritante. Eu admiro é a paciênci...

  • João Almeida

    Sentiu-se ofendido. Coitadinho..(Não tenho faceboo...


subscrever feeds