Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Terminou há momentos, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Lisboa, a cerimónia presidida pelo presidente da edilidade alfacinha António Costa, onde foram revelados os vencedores do Lisboa à Prova 2013. Este concurso,  que resulta da avaliação de um júri constituído por gastrónomos, jornalistas e profissionais do meio, seleccionou 101 restaurantes (+ 25 do que em 2012) entre todos os que se inscreveram. Destes, 67 obtiveram “1 Garfo” (+15 do que em 2012) e 27 obtiveram “2 Garfos” (+9 do que em 2012). Com o galardão máximo de “3 Garfos” foram distinguidos 7 restaurantes, (+1 do que no ano transacto), sendo que a novidade foi a entrada do Nobre (que finalmente deixou de se chamar Spazio Buondi) e de A Travessa. Por sua vez o Panorama do Hotel Sheraton passa de 3 para 2 garfos.

Aspecto geral de uma das salas de A Travessa; na foto de cima: Justa e José Nobre, do Nobre

A entrada destes dois restaurantes de cariz mais tradicional no restrito grupo dos 3 garfos, bem como a saída do Panorama, indicia uma tendência que começou no ano passado, com a atribuição deste principal prémio ao Salsa e Coentros: há uma maior valorização da cozinha de matriz tradicional. Por sua vez os resultados parecem mostrar, igualmente, que, ou o júri está mais conservador, ou a cidade não tem conseguido promover o aparecimento de novos restaurantes de cozinha contemporânea ao mais alto nível. (Infelizmente, acho que se deve mais a este segundo aspecto do que ao primeiro). 

 

Eis a lista dos principais prémios:

 

3 "Garfos": A Travessa; Belcanto; Eleven; Feitoria; Salsa & Coentros; Spazio Buondi – Nobre; Varanda – Hotel Ritz.

 

2 "Garfos": 1300 Taberna; A Casa do Bacalhau; Areeiro 3; Assinatura; Avenue; Cantinho do Avillez; Cervejaria da Esquina;  Chefe Cordeiro; Come Prima; Estórias na Casa da Comida; Faz Figura; Flores do Bairro; Horta dos Brunos; Izakaya do Umai; Jockey; Kampai; Lisboa à Noite; Mensagem; O Poleiro; Panorama; Restaurante Lapa; Rossio Bar Terraço; Tasca da Esquina; Umai; Valle-Flor; Via Graça; Xapuri Bistro.

 

 


1 "Garfo" foram: 12 Bistro & Terrace by Eleven; 151 One Five One; 2 à Esquina, Iguarias e Petiscos; 5 Oceanos; A Comenda; A Tapadinha - Cozinha Russa; A Travessa do Fado; Adega da Tia Matilde; Alto do Século; Aqui há Peixe; Brasserie de l'Entrecôte – Chiado; Brasserie de l'Entrecôte - Parque das Nações; Cantina da Estrela; Casa do Leão; Castro Restaurante; Clube do Peixe; Delícias de Goa; Don Pomodoro; Duetos da Sé; Equador Bar Bistro; Espaço Lisboa, Assadores de Alcântara; Estado Líquido Fusion Sushi; Este Oeste; Everest Montanha - Avenida do Brasil; Faz Gostos; Grelhados de Alcântara; Grill D. Fernando; La Paparrucha; Laurentina, O Rei do Bacalhau; Le Jardin; Lost In Esplanada Bar; Madragoa Café; Ministerium Cantina; O Guarda-Mor; O Polícia; O Solar dos Leitões; O Talho; Oficina do Duque; Oito Dezoito; Os Tibetanos; Passage to India; Pharmacia; Pizzaria Lisboa; Qosqo; Restaurante Baralto; Restaurante Carnalentejana; Restaurante D' Bacalhau; Restaurante Trivial; Restaurante Vegetariano Psi; Riso8; Sacramento do Chiado; Santa Clara dos Cogumelos; Servejaria Beer-House – Restauradores; Sessenta; Solar dos Nunes; Suntory; Sushi Café Avenida; Taberna Tosca; Tasca do Sol; Tasca Urso; Tentações de Goa; U Chiado; Varanda de Lisboa; Verde Gaio; Viva Lisboa; Zambeze; Zé Varunca.

 

Por último recordamos que o Lisboa à Prova é  um concurso promovido pela Câmara Municipal de Lisboa, Turismo de Lisboa e AHRESP – Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal, dirigido aos estabelecimentos de restauração da cidade e tem como objectivos a valorização do sector da restauração e a Promoção da gastronomia lisboeta enquanto factor de atracção turística da Cidade

 

Posts Relacionados:

 

Resultados do Lisboa à Prova 2012 : Salsa e Coentros é a grande revelação

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00


12 comentários

Sem imagem de perfil

De Cozinhar Sem Lactose a 20.02.2014 às 20:05

Gosto sempre de saber os resultados dos prémios gastronómicos, é sempre interessante ver que casas são escolhidas. Mas fiquei muito surpreendida ao ver a Taberna Tosca nos restaurantes premiados - tive recentemente uma das piores experiências de sempre neste sítio. A comida é mediana e não vale o preço, e o serviço é dos piores que eu tenho visto - aliando arrogância, com má educação, com incompetência, um mimo que só visto. Não sei se conhecem o sítio, eu pessoalmente nunca mais lá volto, e tento dissuadir todos os que tiverem vontade de lá ir.
Sem imagem de perfil

De João Pratas a 20.02.2014 às 22:54

Como é possível que restaurantes como o solar dos presuntos não estejam entre os galardoados?
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 21.02.2014 às 01:19

Caro João Pratas, só participaram os restaurantes que se inscreveram. O mais provável é que o Solar dos Presuntos não o tenha feito.
Sem imagem de perfil

De teixeira a 20.02.2014 às 23:06

Fico feliz com a prevalência da cozinha mais conservadora ao arrepio dos "contemporâneos de alto nível" (se é que existem) em Lisboa. Acompanho o Salsa e Coentros desde o nascimento. Pessoal sério, simples e objectivo . Não há sustos. O Nobre, meu vizinho em Entrecampos, é capaz de altos desempenhos e outros nem tanto. Porém, tenho fidelidade ao lugar. O Feitoria, quando lá fui, era o cozinheiro que já não mais lá está. Foi magnífico. Contemporâneo, reconheço. A Travessa deve ser uma traquinagem dos votantes. Fui e não volto. Varanda é em hotel. Não costumo frequentar, excepto o Claro (este sim, um três garfos). Tive pena de minha presidenta ter ido jantar no Eleven . Mal assessorada. Lula da Silva foi ao Solar dos Presuntos. Teve mais sorte. Belcanto bela experiência, infelizmente às custas da piora do Cantinho. Ainda bem que a pizzaria é boa. Deixo de comentar os 2 e os 1 garfos, porque se trata de uma torre de babel gastronómica Apenas, fico feliz em ver o Solar dos Leitões incluído, ao lado do simpaticíssimo Santa Clara dos Cogumelos.
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 21.02.2014 às 01:29

Embora não tenha ficado explícito no texto, também fico feliz com a prevalência da cozinha mais conservadora nos principais prémios. Contudo, o papel dessa cozinha mais conservadora é o de conservar as tradições, mesmo que com um toque de actualidade.

A importância de haver bons restaurantes de cozinha contemporânea prende-se com a evolução da cozinha de um determinado país ou cidade. Ninguém nega, por exemplo, que San Sebastian é uma cidade onde se come óptima cozinha tradicional. Contudo, que coloca a cidade (e a região) em destaque no mapa gastronómico mundial são os restaurantes contemporâneos e de vanguarda, que por sua vez são liderados por chefes que são os principais apologistas da tradição. A diferença é que preferem expressar a sua identidade de outra forma. A ideia de querer colocar um tipo de cozinha contra a outra não tem razão de existir. Pelo menos a meu ver.
Imagem de perfil

De Artur Hermenegildo a 21.02.2014 às 13:03

Saúdo especialmente os "2 garfos" do Umai e do Izakaya. Um grande abraço ao Paulo Morais e à Anna Lins.

Era interessante saber se o Solar dos Presuntos se inscreveu ou não, porque tinha 2 garfos e desapareceu da lista. É uma informação que me parece muito relevante, se alguém a conseguir obter agradecia.

Gostava também de saber, se for possível, se o L'Appart, do Hotel Tiara, se inscreveu ou não.
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 22.02.2014 às 10:51

Artur, segundo apurei junto da organização, nem o Solar dos Presuntos, nem o L'Appart do Hotel Tiara se inscreveram este ano.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.02.2014 às 13:16

A Travessa do Fado ganhou um Garfo?
É que nem um deveria ter ganho.
Estive lá há pouco tempo e, apesar de a comida ser aceitável e o espaço ser muito bonito, o serviço é péssimo. Intimidador, diria. Estive todo o tempo com a sensação de "você não é suficientemente boa para estar aqui", como se soubesse de onde venho e o que faço.
Logo na entrada, barram uma pessoa e obrigam-na a decidir o que comer, ali em pé, à porta, com os empregados a olhar para nós. Uma pressão tola só para caírem na modernice de não terem carta... Mas depois levaram-nos a carta de bebidas. Afinal conseguem fazer cartas. Não fez sentido.
Já depois das entradas, com a chegada do prato principal, e vendo que não nos iam trocar os pratos e talheres, pedi pratos maiores, porque apenas nos deixaram os pratos sujos das entradas. E ainda tive de ouvir ao longe (mas em voz alta para garantirem que ouvia) "esta gente não sabe comer". Tiveram muitos maus modos. Já nem me atrevi a pedir outros talheres. Comemos com talheres pequenos em pratos grandes. Enfim.
Depois a conta ainda veio errada (a favor da casa, claro) e eu só pensava em vir-me embora e respirar, porque me senti, o tempo todo, intimidada pelos empregados de nariz empinado.
Não volto e não recomendo.

Inês M.
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 22.02.2014 às 10:59

A consistência de qualidade de um restaurante é talvez uma das qualidades mais importantes num restaurante. Infelizmente não são muitos os que conseguem tê-la. Isso faz com que uma pessoa possa ter uma experiência como a sua num dia e outra, melhor, noutro dia. Talvez seja isso que aconteceu.

Sou mero membro do júri do concurso mas não faço parte da direcção ou do grupo consultivo. Contudo, pelo menos para atribuir um garfo, não é necessário que haja unanimidade. Por exemplo, nesta lista há restaurantes que avaliei e que não considerei merecedores desse galardão (e o mesmo pode acontecer ao contrário).
Imagem de perfil

De Artur Hermenegildo a 24.02.2014 às 14:53

No início de 2013 estive n'A Travessa do Fado e a experiência, foi boa, inclusive a nível do serviço.

Podem ver aqui:

http://aassinalar.blogspot.pt/2013/01/petiscos-serio.html
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 24.02.2014 às 23:01

Falta de educação nunca desculpa nada.
Foram, completamente, desagradáveis.
Sem imagem de perfil

De Ágata Mandillo a 04.02.2015 às 09:53

Caro Miguel,

Queria apenas informar que a Pizzeria Biológica In Bocca Al Lupo foi galardoada com um garfo no Concurso Lisboa à Prova 2014, mas por alguma razão não constamos da lista acima colocada.

Obrigada.

Atenciosamente,

Ágata Mandillo

Comentar post



Pub


Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

PUB


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mesa Marcada - Os 12 Pratos do Trimestre


Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira os premiados e as listas...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub





Calendário

Fevereiro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728

Comentários recentes

  • Joao Fernandes

    Eu trabalho com mangalitza na Hungria, neste caso ...

  • João Faria

    Há uns tempos deparei-me com uma imagem do marmore...

  • Bruno

    Interessante - moro em Londres e não conhecia o Ta...

  • Duartecalf

    Mais uma boa notícia. É sinal de que a nossa gastr...

  • André

    Já para não falar no efeito pernicioso que esta "g...