Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




"Não envelhecem bem". Pois não...

por Miguel Pires, em 21.12.14

photo.PNG

A grande vantagem de ter uma cave/adega climatizada é podermo-nos dar ao luxo de esquecermos umas garrafas por lá sem corrermos (muito) o risco de morrerem sem aviso prévio. 

 

Ontem resolvi convocar duas delas para jantarem comigo e com bons amigos e, tal como esperava, nenhuma desiludiu, antes pelo contrário: o Poeira 2004 parecia um Iggy Pop cheio de vida e o Vale Meão uma Gena Rowlands em noite de estreia, charmosa como sempre. "Ah e tal estes novos vinhos do Douro não vão envelhecer bem", diziam alguns especialistas há 10 anos. Pois, bebam agora as vossas palavras.

 
 

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:58


1 comentário

Imagem de perfil

De Artur Hermenegildo a 23.12.2014 às 13:12

Apenas uma nota para dizer que, em minha opinião, o Vale Meão não encaixa propriamente na designação de "novos vinhos do Douro".

Basta o facto de ser feita na quinta que lhe dá o nome, durante décadas bastião do Barca Velha, para descartar quer a designação quer o pressuposto de que não envelheceria bem.

Comentar post



Pub


Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Pub


Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira os premiados e as listas...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub





Calendário

Dezembro 2014

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Comentários recentes

  • Miguel Pires

    Bem me pareceu que a argumentação era pobrezinha.

  • Adriano

    Isto realmente é irritante. Eu admiro é a paciênci...

  • João Almeida

    Sentiu-se ofendido. Coitadinho..(Não tenho faceboo...

  • Miguel Pires

    O post não é colectivo, está assinado. Entre as de...

  • João Almeida

    Falta a pergunta: quantos pratos pagaram?