Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Vamos jantar baunilha?

por Miguel Pires, em 24.03.14

 

A pergunta é de Ljubomir Stanisic (na foto) e surge num convite à imprensa, a propósito de um jantar que o chefe do 100 Maneiras e Bistro 100 Maneiras (ambos em Lisboa) irá dar neste último espaço, na próxima terça-feira, e para o qual convocou os chefes Hugo Nascimento, da Tasca da Esquina (Lisboa) e Vítor Claro, do Claro! (Paço d'Arcos). A ideia, diz Ljubomir, é "criar um festival da baunilha à semelhança do que outros fazem com produtos de luxo, como as trufas".

 

Segundo o chefe jugoslavo 'mais português de Portugal', alguns dos pratos apresentados neste jantar farão parte da ementa do Bistro 100 Maneiras, Tasca da Esquina e 'Claro!' durante 15 dias. A baunilha não é um produto fácil enquanto ingrediente principal em pratos salgados, pelo que será interessante ver o tratamento que estes três chefes lhe darão. 

 

E porquê a baunilha?  "Desde o ano passado que estou envolvido num projecto em São Tomé. E foi lá que descobri verdadeiramente a baunilha, um ingrediente muito rico, capaz de trazer ao de cima o melhor de um prato com apenas um toque", explica Ljubomir que na última viagem trouxe com ele 40 quilos da especiaria. Só espero que guarde alguma para um crème brûlée.

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:50


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Pedro Pereira a 24.03.2014 às 14:27

Na ilha da Reunião fazem pato com baunilha. Mas neste caso, segundo apurei, deverá ser utilizada bauniha fresca que é colocada nos momentos finais da cozedura. Em Bras-Panon, nessa mesma ilha, dizem que o restaurante de Eva Annibal serve o melhor. Eu não comparei com mais nenhum, mas que foi a suprema refeição dessas férias, não me restam dúvidas.
Será que o chef irá fazer esta iguaria?
Sem imagem de perfil

De Ljubomir Stanisic a 24.03.2014 às 15:28

Caro Pedro,

Posso adiantar em primeira mão que as proteínas que eu e os dois amigos que vão cozinhar comigo (os chefes Hugo Nascimento e Vítor Claro) vamos usar no menu vão ser vieiras, espadarte, mexilhão, carabineiro, porco preto e cabrito.
Nada de pato.

Mas garanto-lhe que a surpresa pode ser tão grande (e, esperamos, até maior :)) que essa sua na ilha da Reunião.
Sem o efeito-férias a sensação não deverá ser a mesma, mas nada como tentar "voar" até lá!

Abraços,
Ljubo
Sem imagem de perfil

De Pedro Pereira a 24.03.2014 às 16:33

Não duvido do sucesso do evento. Mas pela minha parte vou tentar o pato com baunilha assim que puder.

Abraço
Pedro
Sem imagem de perfil

De Pedro Pereira a 25.03.2014 às 12:14

Desafio aceite. Vou "voar" até lá.

Até logo.

Comentar post



PUB


Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira os premiados e as listas...



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub





Calendário

Março 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Comentários recentes

  • PR

    "Porém, e ao contrário do que muitas vezes se escr...

  • PR

    Tão grande foi o choque da perda da terceira estre...

  • Paulo

    Não se aborreça Miguel. As redes sociais são impla...

  • Paulo

    Não conhecendo os motivos do encerramento, se calh...

  • joana

    sardinhanalfabeto!