Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Um prémio sexista

por Duarte Calvão, em 27.03.14

Deve ser muito bom, e trazer grandes proveitos, ser considerado “o melhor do mundo” em qualquer coisa, mas não consigo compreender como é que as chefes de cozinha aceitam de bom grado um prémio que as discrimina como este que a brasileira Helena Rizzo agora recebeu da revista Restaurant. Porque é que uma chefe de cozinha deve ser distinguida de um chefe de cozinha num prémio? Dispensando os lirismos e as tiradas poéticas, e sem pôr em causa os méritos de Rizzo ou das que a antecederam neste prémio sexista (Anne-Sophie Pic, Elena Arzak e Nadia Santini), a cozinha delas deve ser considerada “feminina” ou com uma “sensibilidade” diferente da masculina? Daqui pouco, se os média mundiais continuarem a ecoar sem critério estes prémios onde se adivinha que quem manda é quem patrocina, ainda vamos ver uma edição do guia Michelin dedicada aos restaurantes chefiados por homens e outro aos chefiados por mulheres…

 

Posts relacionados:

Helena Rizzo é a Melhor Chefe Mulher do Mundo 2014

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00


Henrique Sá Pessoa prepara-se para viajar até ao Oriente para participar no World Gourmet Summit (WGS), em Singapura, um dos eventos gastronómicos mais importantes da Ásia. O WGS, que reúne uma serie de chefes locais e de todo o mundo (como Alexandre Gauthier, Sang Hong Degeimbre, Thomas Bruhner, Sergi Arola ou Marco Colagrego)  tem o seu foco assente na relização de jantares com cada um dos chefes, em vários pontos da cidade estado. O do chef do Alma fará o seu primeiro jantar no dia 1 de Abril na Miele Gallery e, no dia 2, no One-Ninety, Four Seasons Hotel - ambos com menus conjugados com os vinhos do Douro da Quinta do Vallado.

É sempre curioso saber como fazem os chefes quando têm de cozinhar fora do seu país. Que produtos levam e quais os que compram localmente. No festivall do Vila Joya, cujo modelo é idêntico a este WGS (embora em muito menor escala) os americanos Ken Oringer ou Michael White cozinharam apenas com produtos locais. Já o 3 estrelas Michelin holandês Jonnie Boer trouxe a maior parte dos ingredientes (e desconfio que até a mobília da sala). Contudo, o mais comum é o chef levar o que não encontra localmente, como os produtos mais tradicionais, por exemplo - isto desde que não haja problemas na alfândega,  como os que o Vítor Sobral teve no ano passado, em São Paulo, quando lhe confiscaram, no aeroporto, uma mala cheia de enchidos e Queijo da Serra que levava para a festa de aniversário da Tasca da Esquina. No caso do WGS, Henrique Sá Pessoa leva de cá o bacalhau, broa, leitao e arroz carolino "que lá não há", disse-me o chefe português na conversa que tivemos recentemente no Funchal, onde esteve a participar na primeira etapa da Rota das Estrelas (que este ano abriu portas a não "estrelados" nacionais).  

Nessa conversa Sá Pessoa revelou-me também que as obras do Alma, no Chiado (na Rua Anchieta, nas traseiras do Belcanto e do Largo), estão correr dentro das suas previsões e que conta mudar-se no inicio do Verão. Para já, além de continuar a marcar presença em Santos (que fechará quando abrir no Chiado), Henrique voltará com o seu Ingrediente Secreto aos ecrãs de televisão, desta vez na RTP1, aos Sábados, antes do primeiro jornal. 

Foto: Paulo Barata para a Up Magazine

Posts Relacionados:

Hambúrgueres sem vender a Alma

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:14


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira as listas completas



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub



Calendário

Março 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Comentários recentes

  • Anónimo

    Acho que não lhes vou dar oportunidade, parece que...

  • Anónimo

    Nao aconselho, procure mais avaliações sobre o loc...

  • Anónimo

    Concordo plenamente consigo, passei pelo o mesmo e...

  • Anónimo

    Boa descrição do restaurante ! Tb já lá fui e gost...

  • Fátima Bento

    Fui pela primeira vez ao Jamie's em Abril, com uma...


subscrever feeds