Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




euskalduna-studio-a-equipa-do-restaurante-1b272.jpg

 

Faz na próxima semana um ano que Vasco Coelho Santos e uma curta e jovem equipa abriram no centro do Porto, o Euskalduna, um dos projectos de cozinha contemporânea mais interessantes que vi nascer nos últimos anos.

 

Para comemorar a data, o chefe do Porto convidou para jantares a quatro mãos sete chefes talentosos portugueses de várias regiões do país, numa espécie de Rota das Estrelas alternativo. A festança durará uma semana com Vasco a desafiá-los a saírem das zonas de conforto e trabalharem com ele um menu de outras regiões que não as suas.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:50

IMG_4270.jpg

Sempre ou quase sempre que se fala do Guia Michelin é para se falar de estrelas e, para dizer a verdade, há muito que não se encontra grande interesse nos guias para além destas atribuições. Desde há uns anos, talvez pela queda nas vendas, os próprios responsáveis do guia devem ter percebido que tinham de fazer algo. Numa altura em que todo o mundo tem um smartphone com Google Maps na mão, os mini mapas do guia de papel tornaram-se pouco relevantes. Por outro lado, as escolhas dos restaurantes não estrelados há muito que deixaram de ser uma referência (se é que alguma vez o foram) e mesmo os Bib Gourmand nunca pegaram.

  

Com mais ou menos critica, justiça ou injustiça a questão das estrelas continua em alta pelo que do ponto de vista estratégico o empenho dos responsáveis do guia teria de ser colocado na melhoria do restante conteúdo. E isso começou a ser visível de há um par de anos para cá (ou talvez até há um pouco mais) com os comunicados de imprensa (e não só) a darem maior ênfase, sobretudo aos Bib Gourmand. De facto, os destacados com esta referência nas diversas edições mundiais melhoraram a olhos vistos... excepto em Portugal.

 

No post anterior, escrevia o Duarte, que já tem o guia de 2018 em papel, que alguém lhe disse que a Michelin tinha enviado cá uma pessoa para tratar dessa parte dos não estrelados e que isso era visível em Lisboa, com a inclusão de restaurantes que têm sido uma referência (ou pelo menos têm sido bem sucedidos), ainda que no Porto, mais até do que no resto do país (digo eu), continuasse tudo na mesma - o que só por si já seria suficiente para considerar que essa história dos critérios serem os mesmos em todo o mundo é uma bela treta. São mais ou menos na questão das estrelas, mas não são de todo nas outras escolhas

 

Mas vejamos a actual lista dos Bib Gourmand em Portugal, os tais com boa “relação preço qualidade” que a guia vermelho começou a dar relevância um pouco por todo o mundo:

 

 

ALGARVE

Albufeira / Sesmarias : O Marinheiro

Lagos: Don Sebastião,

Poço Barreto: O Alambique

 

ALTO ALENTEJO

Évora : BL Lounge, Dom Joaquim, Origens (novo)

Portalegre: Solar do Forcado, Terrugem, A Bolota

 

BAIXO ALENTEJO

Alcochete : Don Peixe

Sines: Cais da Estação, Trinca Espinhas

 

BEIRA ALTA

Tonda : 3 Pipos

Viseu: Muralha da Sé

 

BEIRA BAIXA

Covilhã: Taberna A Laranjinha (novo)

 

BEIRA LITORAL

Águeda: O Típico

Aveiro / Costa Nova do Prado: Dóri

Cantanhede: Marquês de Marialva

Salreu: Casa Matos

 

DOURO

Carvalhos: Mário Luso

Maia / Nogueira: Machado

 

ESTREMADURA

Bombarral: Dom José (novo)

Leiria / Marrazes : Casinha Velha

Lisboa: D’Avis, Solar dos Nunes

Queluz / Tercena: O Parreirinha

 

MADEIRA

Câmara de Lobos: Vila do Peixe

Funchal:Casal da Penha (novo)

 

MINHO

Braga: Centurium

Guimarães : Histórico by Papaboa

Pedra Furada: Pedra Furada

Viana do Castelo: Tasquinha da Linda (novo)

Viana do Castelo / Santa Marta de Portuzelo: Camelo

Vila Nova de Famalicão / Portela: Ferrugem

 

RIBATEJO

Malhou: O Malho

 

TRAS-OS-MONTES

Alijó: Cêpa Torta

Chaves: Carvalho

Macedo de Cavaleiros: Brasa

 

Sem querer desrespeitar algum dos restaurantes que aqui constam (que merecem a referência) digam lá se esta lista tem algum jeito?

 

Não há mesmo nenhum restaurante do Porto com “bom preço qualidade”?

E em Lisboa, só há mesmo dois e são o D’Avis e o Solar dos Nunes?

 

Será que os restaurantes destas duas cidades atingiram preços demasiado elevados, mas Madrid e Barcelona, não?

 

Não querendo chamar-lhe outra coisa, no mínimo, chamo-lhes um mistério.

 

Nota: os Bib Gourmand deixaram de ter a referencia a um preço mínimo “menos de 35€”, para Espanha e Andorra e “menos de 30€” para Lisboa, nesta edição. Agora são apenas “a melhor relação qualidade-preço”

 

---------

 

P.S: num post anterior referia o facto do comunicado vir escrito em bom português ao contrário do que acontecia na versão lusa do guia até ao ano passado (dizem-me que este ano melhorou, mas só vendo para crer).

 

Porém, uma questão continuava a irritar-me solenemente e que via como uma negligência e um falta de respeito: a menção em espanhol ("la guía") no bordado das jalecas dos chefes de Portugal que ganharam as estrelas. Apesar de em anos anteriores, eu e outras pessoas, termos chamado à atenção os responsáveis espanhóis do guia para este facto, fizeram sempre vista grossa.

 

Só que desta vez deixei-me de falinhas mansas e resolvi disparar a torto e a direito (em português, espanhol e inglês) no Twitter, a rede social mais utilizada no meio gastronómico espanhol. Fiz bullying com alguns dos meus colegas de lá, que mostraram apreço e foram solidários (alguns “re-twittaram” mesmo) e disparei nas contas da Michelin Espanha, na da directora do guia ibérico Mayté Carreño e na do director de comunicação Ángel Pardo. Nunca responderam, como previa. Porém, quando “taguei” Claire Dorland uma responsável do comité executivo internacional (que está acima dos regionais), esta simpaticamente respondeu assim:

 

IMG_4269.JPG 

 

Às vezes protestar veemente e em várias direcções resulta. Vamos ver se a promessa se cumpre.

 

Posts Relacionados:

 

Michelin Portugal 2018, o fim das "injustiças"

O que dizem os responsáveis do guia Michelin sobre Portugal

Duas novas estrelas Michelin para Portugal 

Estrelas Michelin Portugal 2018 (especulações)

Não se esperam grandes novidades para Portugal no Guia Michelin 2018

 
 
 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:30

Michelin Portugal 2018, o fim das "injustiças"

por Duarte Calvão, em 24.11.17

 

DSC7234.jpg

Desde que entrei para o Facebook no início deste ano que estou mais a par de certas opiniões e reacções de um público que vai para além daqueles que se interessam pela gastronomia, nomeadamente da chamada “alta cozinha”. Verifico que é voz corrente considerar que Portugal é “injustiçado” pelo guia Michelin, que beneficia Espanha e outros países e não compreende ou não quer compreender a nossa cozinha. Que se assim não fosse, os restaurantes portugueses ostentariam tantas estrelas como os demais. Ora essas opiniões têm alguma justificação, mas já tiveram muito mais. É assim que vejo, pelo lado positivo. Em primeiro lugar, julgo que é benéfico ter uma classificação independente e credível como é a do guia Michelin, sobretudo num país em que as pessoas não gostam de ser avaliadas, que julgam que todos somos “iguais”  - como se na cozinha, no jornalismo, no futebol, na arquitectura ou em qualquer actividade, não houvesse quem tenha mais talento do que outros, seja mais estudioso ou trabalhador do que outros, que tenha mais sorte do que outros.

 

 

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:35

Instagram_JoseAvillez.jpg

 

Acaba de sair o comunicado de imprensa do Guia Michelin Espanha e Portugal 2018, que foi anunciado esta noite, e cuja parte sobre Portugal partilhamos abaixo: 

 

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:03

Duas novas estrelas Michelin para Portugal

por Duarte Calvão, em 22.11.17

IMG_4177.jpg

 

Acaba de ser divulgado em Tenerife, onde decorre a apresentação do Guia Michelin Espanha e Portugal 2018, que há dois novos restaurantes portugueses a receber uma estrela. São eles: o Vista, do hotel Bela Vista, na Praia da Rocha (Portimão), do chefe João Oliveira, e o Gusto, do Hotel Conrad, na Quinta do Lago (Almancil), que tem o alemão Heinz Beck como chefe consultor.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:50

Estrelas Michelin Portugal 2018 (especulações)

por Duarte Calvão, em 20.11.17

Aqui estão elas, as habituais especulações em torno das estrelas que o guia Michelin vai anunciar para os restaurantes portugueses já na próxima quarta-feira à noite, desta vez em Tenerife, nas Canárias, onde será a Gala do Guia Michelin Espanha e Portugal 2018. Como o Miguel Pires relatou aqui, reportando para um encontro com a Comunicação Social espanhola que os responsáveis pelo guia tiveram, esquecendo-se de incluir portugueses, não se espera nada de parecido com a chuva de estrelas do ano passado e fala-se de uma “consolidação” em Portugal. Mesmo assim, vamos lá especular.

 

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:11

Festa de cogumelos e manual de cozinha asiática

por Duarte Calvão, em 17.11.17

Indonesia - mee goreng  - copia.jpg

Dois chefes que muito prezo vão estar em destaque nos próximos dias. O primeiro é já amanhã. sábado, com um programa que mete apresentações de especialistas, mercado e jantar. Trata-se da segunda edição do Anel de Fadas - Festa dos Cogumelos, que Bertílio Gomes promove no Chapitô, na colina do castelo de Lisboa. Falamos ao telefone e, como é seu hábito, o micólogo chefe usou de franqueza, pedindo para eu o poupar de sarcasmos. Resumindo, com esta maldita seca, não temos cogumelos em Portugal e, portanto, eles virão de Espanha para variar, já que geralmente é em sentido contrário, e do centro da Europa. Ou serão de cultivo. Aqui o que mais interessa é ver como eles – os cogumelos, venham de onde vierem - brilham nas mãos dos especialistas presentes.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:59

Esplendor na areia

por Duarte Calvão, em 15.11.17

TTC 2017_B9A6692.jpg

Os chefes que prepararam o memorável almoço de despedida. Joy Jung e Dieter Koschina, juntos, à direita

 

Não houve discursos, nem lágrimas, nem declarações solenes. O Tribute to Claudia, depois de dez edições, chegou ao fim neste domingo celebrando aquilo que a mim sempre mais me impressionou na equipa do Vila Joya, um profissionalismo extraordinário, uma busca da perfeição em cada detalhe de cada prato, uma preocupação permanente com a alegria de cada comensal, algo que - mais do que os muitos luxos que por lá há - me deixa deslumbrado. Joy Jung, da família proprietária deste hotel algarvio, que idealizou o evento para celebrar a memória da sua mãe Claudia, e o grande chefe Dieter Koschina, sempre calmo e discreto no meio da confusão dos dias de festival, mas também sempre com ar de quem se diverte com o convívio com os seus colegas, só podem estar orgulhosos com estes dez anos de um evento tão marcante. Recuso-me a pensar que, de alguma nova maneira, não lhe vão dar seguimento.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:11

Está aí mais um Congresso dos Cozinheiros

por Miguel Pires, em 10.11.17

IMG_3775.JPG 

Bode capado, arroz, pão de fermentação lenta, o polvo de Santa Luzia e outros produtos nacionais e internacionais (Amazónia, Austrália, Colômbia) vão estar em destaque nas apresentações dos chefes em mais um CNC - Congresso dos Cozinheiros, com inicio marcado para este Sábado, dia 11, com prolongamento até à próxima segunda-feira, dia 13.

 

 

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:20

IMG_3742.jpg

 

Começa por esta altura o frenesim das estrelas Michelin. "Quem achas que vai ganhar este ano?", "Achas que é desta que vai haver um 3 estrelas por cá?", são duas das perguntas que me têm feito nos últimos tempos, em relação à edição do Guia Michelin Espanha e Portugal 2018, que será revelada dentro de duas semanas, em Tenerife.

 

 

Leia ainda:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:06

Pág. 1/2



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Confira as listas completas



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Pub



Calendário

Novembro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Comentários recentes

  • Anónimo

    Das coisas mais inteligentes (e bem informadas) qu...

  • Paulina Mata

    Duarte, curiosamente e por mera coincidência, tamb...

  • Anónimo

    OBRIGADO PELA BOA LEITURA COMO SEMPRE ASSUNTO MUIT...

  • Artur Hermenegildo

    Subscrevo inteiramente. É um facto que é muito imp...

  • Anónimo

    Parabéns pelo artigo fantástico


subscrever feeds