Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Lisboa à Mesa (IV)

por Miguel Pires, em 04.11.11
Amanhã é dia de Mercado Biológico do Príncipe Real. Quem se levanta cedo é recompensado. Mas quem chega tarde, pelo final da manhã, não sai de mãos a abanar. 
.
Na primeira banca, de Vasco Rocha Pinto (o mesmo que a partir de S. Pedro do Sul tornou possível a existência de diversas ervas aromáticas em supers e hipermercados do país), a reposição é mais ou menos constante ao longo da manhã. Alguns dos meus poisos favoritos.
.
.
A banca de pão (e afins) de Ana Paula Moreira, da Paladares de São Sebastião. Gosto bastante do seu pão, sobretudo do de Espelta. 
.
Quinta do Poial, um caso sério. Aqui é necessário chegar (bem) cedo. É que a capacidade de produção mais limitada e a procura por parte dos nossos top Chefs fazem com que a procura dos produtos de Maria José Macedo seja superior à oferta.
.
Num dos destes Sábados, no regresso... Legalize BES?! (desde que não seja 'nacionalize', tudo bem :)

Leia ainda:

publicado às 11:36


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Sónia Duarte a 08.11.2011 às 00:06

Miguel: também há supermercado Brio em Carnaxide.
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 08.11.2011 às 17:32

Obrigado, Sónia. Bem me parecia que faltava um!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Pesquisar

  Pesquisar no Blog