Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Lisboa à Mesa (IV)

por Miguel Pires, em 04.11.11
Amanhã é dia de Mercado Biológico do Príncipe Real. Quem se levanta cedo é recompensado. Mas quem chega tarde, pelo final da manhã, não sai de mãos a abanar. 
.
Na primeira banca, de Vasco Rocha Pinto (o mesmo que a partir de S. Pedro do Sul tornou possível a existência de diversas ervas aromáticas em supers e hipermercados do país), a reposição é mais ou menos constante ao longo da manhã. Alguns dos meus poisos favoritos.
.
.
A banca de pão (e afins) de Ana Paula Moreira, da Paladares de São Sebastião. Gosto bastante do seu pão, sobretudo do de Espelta. 
.
Quinta do Poial, um caso sério. Aqui é necessário chegar (bem) cedo. É que a capacidade de produção mais limitada e a procura por parte dos nossos top Chefs fazem com que a procura dos produtos de Maria José Macedo seja superior à oferta.
.
Num dos destes Sábados, no regresso... Legalize BES?! (desde que não seja 'nacionalize', tudo bem :)

Leia ainda:

publicado às 11:36


8 comentários

Sem imagem de perfil

De Sónia Duarte a 08.11.2011 às 00:06

Miguel: também há supermercado Brio em Carnaxide.
Imagem de perfil

De Miguel Pires a 08.11.2011 às 17:32

Obrigado, Sónia. Bem me parecia que faltava um!

Comentar post



Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Pesquisar

  Pesquisar no Blog