Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Vítor Adão abre Plano com fogo na Graça

por Duarte Calvão, em 11.08.19

abobora.jpg

Por enquanto, são apenas jantares ao ar livre numa mesa para 18 pessoas, onde vigora um menu de degustação com nove “momentos” e cinco vinhos incluídos (70 euros, no total). Mas a partir de Setembro, o novo restaurante Plano, do chefe Vítor Adão, no bairro lisboeta da Graça, abrirá os seus espaços interiores, com um bar para 14 pessoas, onde o chefe receberá os clientes, uma sala para 20 comensais e ainda uma “cisterna-garrafeira” para grupos de 10 pessoas. É, na verdade, o primeiro restaurante deste jovem chefe, nascido há 29 anos em Chaves, que assim deixa para trás o Izakaya Tokkuri, no Bairro Alto, onde, até ao mês passado, dividia a chefia com Lucas Azevedo (ex-Bonsai), e também a consultoria do produtor biológico Quinta do Arneiro. “Este restaurante é muito importante para mim, quero estar focado nele o mais possível nos próximos anos”, disse Vítor Adão ao Mesa Marcada.

 

 

No espaço ao ar livre que já está a funcionar, enquanto os outros interiores aguardam finalização, faz-se uma cozinha também ao ar livre, com fogo. “É uma cozinha com que me identifico muito, com lenha, que tem a ver com as minhas raízes”, explica o chefe transmontano, que na sua carreira, além dos projectos já mencionados, esteve três anos como chefe executivo do Bistro 100 Maneiras, de Ljubomir Stanisic, acompanhou este chefe no Six Senses Douro Valley, nos restaurantes DOC e DOP do chefe Rui Paula, no Chaxoila, em Vila Real, no Flor de Sal, em Mirandela, e teve ainda uma experiência em Londres, no 45 Park Lane, de Wolfgang Puck, entre estágios no Ocean e no Vila Joya.

 

carvina, cenouras novas, batata de chaves e tomilh

 

“A cozinha que vou fazer no Plano tem a ver com Portugal, especialmente com Trás-os-Montes, e vou dar especial atenção aos pequenos produtores. Mas também reflecte o meu percurso, as minhas viagens”, declara Vítor Adão. Uma memória de infância, uma simples cebola com sal e vinagre, ou melancia com aipo e coentros, cabeça de xara com pickle de beterraba e salsa (na foto no fim do post), corvina com cenouras novas e batatas de Chaves (na foto acima), cavala com batata e pele de frango, prego de vitela biológica com mostarda e sunomono de pepino, aletria com manjericão e trevo, são alguns exemplos de pratos do Plano. O projecto, que está a ser trabalhado desde Março, tem como sócios os responsáveis pelo Dona Apartments. Fica aberto só para jantares e fecha às segundas e terças-feiras.

 

Cabeça de xara, pickle de beterraba, e salsa.tif.

Morada:

Rua da Bela Vista à Graça, 128, Lisboa

 

Reservas:

Tel. 913 170 487

https://www.planorestaurante.com/

 

Instagram: 

https://www.instagram.com/plano.restaurante/

 

 

Leia ainda:

publicado às 22:05


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Os autores

Duarte Calvão (perfil)
Miguel Pires (perfil)

Porquê?

Três autores há vários anos ligados à gastronomia e vinhos criaram este espaço para partilhar com todos os interessados os seus pontos de vista sobre o tema (ver "carta de intenções").

Siga-nos no facebook


Mesa Marcada no Twitter


Veja as listas completas aqui



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Calendário

Agosto 2019

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Comentários recentes

  • Anónimo

    Muito obrigado pela conversa bem interessante.Sei ...

  • Adriano

    A única maneira de responsabilizar pelo no show é ...

  • Duartecalf

    Obrigado pela longa e interessante resposta.Afinal...

  • José

    Na realidade cada pessoa interpreta um texto à sua...

  • Duartecalf

    Admitindo que todos os restaurantes podem ter a po...